Factory Players/Grêmio e Carapebus conquistam o título Sub-11 na Prime Cup

Foto: Marcelo Pereira

Pela categoria sub-11, o grande campeão da série ouro foi a equipe do Factory Players/Grêmio, eles enfrentaram a equipe do Gol de Placa e venceram pelo surpreendente placar de 8 a 1. Já na série prata o campeão foi o Carapebus que venceu o Magé Esportes na Final.

A equipe do Factory Players é de Vitória no Espírito Santo e é conveniado do Gremio RS. A equipe foi muito bem em todo o torneio, vencendo todos os jogos e conquistou o título com uma super goleada contra a equipe campista. A equipe mostrou muito entrosamento e foi comandada pelo Calebe Renzon, que foi eleito o melhor jogador do torneio na categoria e pelo goleiro Luis Guilherme.

Calebe na final fez de tudo, 3 gols, assistências, conversamos com ele na cerimônia de premiação e ele dedicou o prêmio de melhor jogador a toda sua equipe. Confiram o áudio da entrevista do pequeno craque da equipe do Factory Players/Grêmio

 

A equipe também levou o prêmio individual com o goleiro Luis Guilherme, que mostrou muita segurança no jogo final, sofrendo apenas 1 gol de pênalti. Conversamos com ele também que mostrou a timidez ao ser entrevistado pela primeira vez, o que é super normal ainda mais se tratando de um menino de apenas 11 anos de idade mas com muito talento no futebol.

 

Confiram a campanha da equipe durante o torneio:

Factory players/Grêmio 3×0 nova geração

Factory players/Grêmio 1×1 clube da bola

Factory players/Grêmio 3×0 barroco Lopes

Factory players/Grêmio 4×2 Mage Sports – Quartas de Final

Factory players/Grêmio 1×0 Real estrela – Semifinal

Factory players/Grêmio 8 x 1 Gol de Placa – Final

Na série Ouro da categoria, o terceiro lugar ficou com a equipe do Real Estrela, que venceu o Americano na disputa pelo terceiro lugar. Confiram as fotos da garotada fazendo a festa no CT do Americano.

 

Quem esteve presente também na prime Cup foram os observadores das categorias de base do Famengo, Santos e Grêmio. Eles conversaram com a gente e falaram sobre o trabalho e os frutos colhidos nessa semana inteira de jogos nas categorias sub-9 e sub-11.

Márcio William, observador do Flamengo, parabenizou a organização do torneio e falou do resultado de sua avaliação, que será apresentada em relatório para o Flamengo.

– Primeiramente quero parabenizar a organização do evento, o torneio foi muito bem organizado, nível técnico elevado, gostei muito do que vi, tanto que estou selecionando em torno de 6 a 7 atletas para que em breve possamos levar para observação, são meninos de muito talento. O flamengo hoje tem uma estrutura invejável, está tratando da base com o maior carinho, com muita atenção para que possamos colher frutos lá na frente, como estamos colhendo com o Vinícius Jr, Lincon e Paquetá, revelou Márcio.

Ele também falou como é o processo de avaliação até o momento em que os garotos entram no clube efetivamente e a importância de se começar o trabalho com meninos tão novos.

– Esse processo de avaliação a gente primeiro envia para o clube que começa a fazer um trabalho de monitoramento, sabemos que essa categoria é uma categoria inicial, mas tem que começar bem cedo para que possamos trabalhar esses garotos, adiantar um processo de adaptação, já temos casos de pais de garotos que vão morar no Rio de Janeiro para acompanhar os garotos, eles treinarem todos os dias e ter o convívio junto com a comissão técnica, participando de torneios e assim desenvolver o seu talento nas melhores condições possíveis, disse Márcio William.

Foto: Marcelo Pereira

Conversamos também com Wagner Leite, preparador físico da base do Santos, que falou sobre o processo de evolução das crianças que já possuem o talento para o futebol e também como funciona o processo de avaliação até o garoto chegar a entrar de fato nas categorias de base do clube.

– O nível técnico foi alto, superou a nossa expectativa, o talento para o futebol é nato, você nasce com ele e só tem a evoluir, a evolução é justamente a repetição de jogos, treinamentos, saio daqui satisfeito e com bons valores para apresentar a nossa comissão lá em Santos. O contato é feito com os responsáveis da equipe, que faz contato com os pais e segue o processo de avaliação até chegar na fase de avaliação na categoria que acontece em uma semana lá em Santos, disse Wagner.

O Observador do Grêmio, Anderson Sheik teve que ir embora antes do final do torneio e por isso infelizmente não conseguimos falar com ele.

O torneio Prime Cup foi um grande sucesso, os pais prestigiaram o evento apoiando e incentivando seus filhos, foi uma semana inteira de muita euforia e emoção para essa garotada. Toda a organização do evento está de parabéns e que venha a Prime Cup 2019.

Por Marcelo Pereira – Esporte Campos