Goyta vence, mas fica sem a vaga por 1 gol

Foto: Bruninho Volotão

Foi por pouco, muito pouco, apena 1 gol tirou o Goyta da da tão sonhada vaga na fase de grupos do Campeonato Carioca. A equipe alvianil venceu o Bonsucesso por 3 a 1 no estádio Estádio Elcyr Resende, em Saquarema, mas não conseguiu a vaga por perder no saldo de Gols para o Macaé, que venceu o Resende e ficou com a vaga com 1 gol a mais que o Goytacaz.

A seletiva chegou ao fim nessa tarde com a classificação de Cabofriense e Macaé com 10 pontos cada, mesma pontuação do Goyta, porem com saldos superiores, 5 e 3, contra 2 do Alvianil. A campanha do Goytacaz na seletiva deixa uma ótima perspectiva para a equipe, que agora jogará o grupo X ao lado de América, Bonsucesso e Resende, na luta para permanecer na elite do futebol carioca.

O Jogo

No primeiro tempo a equipe do Bonsucesso até fez um jogo melhor e mais organizado que o Goyta, porém, sem efetividade não assustou e equipe Alvianil. Na segunda metade da primeira etapa o Goyta conseguiu abrir o placar, após contra ataque rápido, Márcio Carioca ganhou na dividida de Lucas Tavares e serviu Canhoto, que chutou de primeira para colocar o Goytacaz na frente aos 35 minutos. Logo depois do gol o Goyta ainda perdeu o volante Jefinho, que foi expulso após receber o segundo cartão amarelo.

 

Foto: Bruninho Volotão
No início do segundo tempo, o Bonsucesso quis se aproveitar do fato de ter um jogador a mais, porém não contava com a expulsão de Sabão logo aos 8 minutos. Mesmo com a igualdade numérica em campo, a equipe da casa conseguiu chegar ao empate em cobrança de penalti, após chute de Julinho bater na mão de Márcio Carioca, segundo o árbitro Wagner do Nascimento Magalhães. Felipe Silva cobrou com categoria e empatou a partida para o Bonsucesso.
Como o empate não interessava a nenhuma das equipes, já que o Macaé a essa altura já vencia o Resende por 1 a 0, as equipes foram em busca da vitória. A emoção mais uma vez foi no final do jogo a favor do Goytacaz. Aos 39 minutos, Almir recebeu a bola na entrada da área limpou a zaga após bate rebate e desempatou o jogo. Para o Goyta agora faltavam ainda mais dois gols para segurar a vaga.
Na reta final do jog, o Bonsucesso já não tinha mais forças para reagir e viu mais uma vez brilhar a estrela do talismã Alvianil, Luquinha, aos 45 minutos, fechou o placar para o Goyta, 3 a 1. Com a vitória a equipe do Goyta deixa uma ótima impressão com a boa campanha na seletiva e vai forte para o grupo X na luta pela permanência na Série A do Carioca.
Súmula:
Bonsucesso 1×3 Goytacaz – Campeonato Carioca – 5ª rodada da 1ª fase – 13/01/2018 às 16h
Estádio Elcyr Resende de Mendonça (Saquarema – RJ)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa e Luiz Cláudio Regazone
Bonsucesso: Fabrício; Yan, Felipão, Lucas Tavares (Renan Rocha, 37’/1ºT) e Jeanderson (Jackson, intervalo); Filipe Silva, Mauro Silva, Julinho e Jonnes (Thiaguinho, 28’/2ºT); Sabão e Bruno Luiz. Técnico: Marcelo Salles.
Goytacaz: Paulo Henrique; Tenente, Edson, Cleiton e Almir; Jefinho, João Victor, Gabriel Galhardo (Anderson Oliveira, 20’/2ºT), Canhoto (Vico, 24’/2ºT) e Rodriguinho; Márcio Carioca (Luquinha, 17’/2ºT). Técnico: Paulo Henrique.
Cartões amarelos: Jeanderson, Jonnes, Sabão, Renan Rocha e Jackson (BON); Jefinho (GOY)
Cartões vermelhos: Jefinho, 38’/1ºT (GOY); Sabão, 8’/2ºT (BON)
Gols: Canhoto, 35’/1ºT (0-1); Filipe Silva, 12’/2ºT (1-1); Almir, 39’/2ºT (1-2); Luquinha, 45’/2ºT (1-3)
Público: 218 presentes (188 pagantes)
Renda: R$ 5.325,00
Por Marcelo Pereira – Esporte Campos