Luquinha brilha novamente e Goyta vence o América fora

Luquinha mais uma vez brilha e dá a vitória ao Goyta. Fotos: Lais Patricio

O Goytacaz conseguiu na tarde deste sábado uma importante vitória diante do América em Bacaxá. O jogo era de vida ou morte para as duas equipes, que ainda não haviam vencido na seletiva do Carioca. A vitória do Goyta foi novamente com a emoção de Luquinha, que provou que tem estrela nos minutos finais das partidas decisivas, marcando o gol da vitória aos 45 minutos do segundo tempo. Para o América fica o gosto amargo da eliminação da primeira fase da seletiva.

Com a vitória o Goyta chegou aos 4 pontos e ocupa a quarta posição, dois pontos a menos que Macaé e Bonsucesso. Já o América viu suas chances de classificação se findarem com a derrota de hoje, a equipe não somou pontos até aqui e agora pensa apenas no Grupo X como oportunidade de ao menos permanecer na elite do futebol carioca.

Na próxima quarta-feira (10) o Goyta terá mais um jogo de vida ou morte, receberá o Resende no Arysão às 20h, caso alcance a vitória, se manterá vivo na luta por uma das duas vagas para a fase de grupos, já o América fará o seu quarto jogo na seletiva, já cumprindo tabela, contra o Macaé Eduardo Guinle, às 16h.

O jogo

Mesmo sem tanta inspiração, o Goytacaz criou as melhores chances desde o início de jogo. Aos dois minutos, Canhoto cobrou escanteio e Tiago Corrêa desviou contra, dando um susto em Felipe. Gabriel Galhardo, por sua vez, arriscou chute cruzado de fora da área, perto da trave.
De tanto insistir, o Goyta abriu o placar em mais um chute cruzado de Almir aos 29 minutos, Marcio Carioca comemorou como se tivesse desviado na bola, mas a arbitragem confirmou o gol para Almir. 1 a 0 Goytacaz e pressão para cima da equipe da casa.
Fotos: Lais Patricio
Antes de sofre o gol o América já dava sinais que iria equilibrar as ações, após sofre o gol, o Mecão chegou ao empate com um gol irregular, após chute de fora da área de Davi, e corte de Cleiton dentro da área, o árbitro marcou penalti conta o Goyta alegando toque de mão do defensor do Alvianil. Assis foi para a cobrança e empatou o jogo para o América, 1 a 1.
Brilha a estrela de Luquinha no segundo tempo
Na segunda etapa o América comandou as ações ofensivas até os 30 minutos, porém não conseguiu aproveitar as suas melhores oportunidades. Já o Goyta conseguiu segurar o ímpeto do seu adversário e viu nas substituições do técnico Paulo Henrique a equipe melhorar de rendimento. As entradas de Luquinha e Anderson Oliveira deram um gás a mais no ataque Alvianil.
O segundo gol do Goyta foi amadurencendo aos poucos, Anderson Oliveira acertou a trave em forte chute da entrada da área. E aos 45 minutos brilhou novamente a estrela do mais recente ídolo da torcida do Goyta, Luquinha, o herói da classificação para a série A, deu a vitória a equipe após receber cruzamento na área, matar no peito e mesmo com o chute saindo mascado a bola entrou no entrou devagarzinho e balançou as redes do América. Vibração da galera Alvianil em Bacaxá, Goytacaz 2 x 1 América.
Súmula
America 1×2 Goytacaz – Campeonato Carioca,
3ª rodada da 1ª fase – 06/01/2018
Estádio Elcyr Resende de Mendonça (Saquarema – RJ)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha
Assistentes: Wallace Muller Barros Santos e Guilherme Vogas Tavares
America: Felipe; Anderson Künzel, Lucas Gama, Rafael Morisco (Ciro, 5’/2ºT) e Marlon; Guaraci (Lucas Bala, 33’/2ºT), Fernando Chagas, Léo Franco, Tiago Corrêa e Davi; Assis (Giancarlo, 21’/2ºT). Técnico: Lucho Nizzo.
Goytacaz: Paulo Henrique; Tenente, Cleiton, Edson e Almir; Jefinho e João Vitor; Canhoto (Anderson Oliveira, 23’/2ºT) , Gabriel Galhardo (Luquinha, 17’/2ºT) e Rodriguinho; Márcio Carioca (Mário Pierre, 47’/2ºT). Técnico: Paulo Henrique.
Cartões amarelos: Lucas Bala (AME); Cleiton e João Vitor (GOY)
Gols: Almir, 29’/1ºT (1-0); Assis, 38’/1ºT (1-1); Luquinha, 45’/2ºT (1-2)
Público: 111 pagantes (238 presentes)
Renda: R$ 1.710,00
Por: Marcelo Pereira – Esporte CamposDefinir imagem destacada